Cerca de 50 colaboradores da enfermagem admitidos para a segunda etapa do Hospital Santa Clara (HSC), em Salvador, foram acolhidos na unidade nesta terça e segunda-feira (18 e 17). A ação aconteceu em dois momentos, para evitar aglomeração. 

Além de serem apresentados a toda equipe, os novos trabalhadores da enfermagem receberam, entre outros, treinamentos sobre segurança do paciente, uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), regulação e parada cardiorrespiratória (PCR). O último foi conduzido por um convidado externo, o enfermeiro Nilson Cavalcante de Souza Junior, que atua no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192).

Na avaliação da gerente de enfermagem do HSC, Hortência Silva Van der Veere, o acolhimento demonstra valorização da equipe de enfermagem. “Estamos vivenciando momentos difíceis devido à pandemia da Covid-19. Então, ter a possibilidade de desfrutar desses momentos de trocas de informação supera expectativas e nos deixa motivados e seguros para executar um bom trabalho”, conta ela.

Hospital Santa Clara

Requisitado pela Prefeitura Municipal do Salvador para reforçar o atendimento de pacientes com sintomas graves e leves do novo coronavírus, o Hospital Santa Clara abriga um centro de tratamento com 60 leitos, sendo 30 leitos clínicos e 30 de unidade de terapia intensiva (UTI). O equipamento – que é administrado pelo Instituto 2 de Julho – conta com médicos generalistas, infectologistas, pneumologistas, nefrologistas, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, farmacêuticos, assistentes sociais, técnicos em enfermagem e em radiologia.